Expansão do Boko Haram: Uma ameaça iminente


Um aumento na violência do Boko Haram matou mais de 50 soldados e trabalhadores humanitários nas últimas semanas. Eles também sequestraram dezenas de mulheres e crianças, segundo a Agência Anadolu


Onze anos de violência terrorista na Nigéria, principalmente nas mãos do Boko Haram, deslocou mais de três milhões de pessoas. Agora, o Boko Haram está expandindo o seu alcance. 


"O maior desejo do Boko Haram é ter um califado. Não sei se eles juntaram o 'know-how organizacional' para fazer isso ainda, mas efetivamente iniciaram o processo", diz David Curry, da Missão Portas Abertas USA.


Eles sempre trabalharam como um grupo terrorista, mas agora querem capturar território. Não é uma surpresa para a Portas Abertas. Já faz algum tempo que tentamos tocar esse alarme. O governo da Nigéria e, até certo ponto, os governos ocidentais, viram isso como um problema de 'segunda linha', mas não é. É um problema de 'primeiro nível'.


A busca implacável do Boko Haram


O Boko Haram segue os mesmos preceitos do Islã Radical, colocando os cristãos no topo da 'lista dos alvos'. Essa insurgência também coloca a Nigéria em 12° lugar entre os 50 países na Lista Mundial de Perseguição da Portas Abertas.


Os crentes nigerianos frequentemente buscam por segurança estando em um grande número de pessoas. Infelizmente, esso tática só torna mais fácil de encontrá-los. Os terroristas identificam essas vilas com uma grande população cristã e, em seguida,  os atacam, diz Curry.


“Eles explodem igrejas, matam cristãos que podem estar andando pela rua.”


Depois de existir por mais de uma década no nordeste da Nigéria, a violência do Boko Haram está aumentando. “Eles querem dominar o território. Estão fazendo incursões em Burkina Faso, o que não estava acontecendo 24 ou 36 meses atrás. Agora estão, e isso é um sinal da força crescente do Boko Haram. Eles estão atacando o Lago Chade; eles estão no noroeste. Eles testam para ver qual será a resistência e, em seguida, executam ataques, assassinatos, incursões.”, continua ele.


Envolva-se


Ore pelos cristãos perseguidos usando as instruções listadas ao longo deste artigo. Em seguida, use os botões abaixo para compartilhar esta história.


“Precisamos levantar nossa voz e fazer com que as pessoas saibam que isso está acontecendo. Compartilhar essas histórias nas redes sociais é parte disso porque elas estão sendo abafadas por todo o resto. ”


Finalmente, envie ajuda tangível através da Missão Portas Abertas. “Se esse tipo de coisa mexer com seu coração, encorajo as pessoas a adotarem um projeto”, diz Curry.


MOTIVOS DE ORAÇÃO


  • A violência contra os cristãos por grupos islâmicos militantes frequentemente termina em perda de vidas e ferimentos físicos, bem como perda de propriedades. Ore por aqueles que estão lidando com os efeitos da recente violência contra eles. Por favor, ore pela provisão do Senhor em todas as áreas de necessidade física e espiritual.
  • Milhares de mulheres permanecem em cativeiros do Boko Haram. Ore por sua libertação. Ore para que aqueles que foram libertados ou conseguiram escapar recebam cuidados físicos e emocionais adequados.


A imagem do cabeçalho retrata militantes do Boko Haram. Foto: Open Doors USA.

Por Mission Network News, com informações de Open Doors USA.

Postar comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem