Casos de COVID-19 sobem no Quênia; Cristãos respondem às necessidades da comunidade


Atualmente o Quênia tem o terceiro maior número de infecções por COVID-19 na África Oriental e os casos continuam aumentando. Para atender às necessidades comunitárias, os obreiros cristãos se adaptam enquanto que as medidas restritivas de bloqueio continuam. Leia mais artigos sobre o coronavírus aqui.

"A situação no Quênia é realmente bastante difícil, vários dos distritos estão completamente presos, o que significa que a polícia está bloqueando as estradas para que as pessoas não possam sair", diz Joy Mueller, do Kenya Hope.

O Kenya Hope faz parceria com as igrejas locais para cuidar de grupos vulneráveis em comunidades remotas. Atualmente eles estão ajudando quenianos rurais a sobreviver no dia-a-dia.

Clique aqui e faça uma parceria com a Kenya Hope para fornecer um suprimento de duas semanas de alimentos e produtos essenciais.

É difícil encontrar comida em todo o Quênia. A escassez de alimentos sempre foi um grande problema, antes mesmo do início da pandemia do Coronavírus,  e agora está ainda pior. Ainda que as pessoas encontrem comida, a maioria delas não podem comprar o que está nas prateleiras.

As restrições por conta da pandemia fecharam muitos mercados locais, impossibilitando os agricultores e aldeões de venderem seus produtos ou animais. "O gado deles é a conta bancária; sendo assim, se não há como vendê-los, eles ficam sem dinheiro para comprar comida", explica Mueller.

Com o toque de recolher rigorosamente reforçado, todo o processo se torna ainda mais difícil. "Felizmente o governo acabou de mudar o toque de recolher; agora são 21:00 às 04:00, o que dá as pessoas um pouco mais de tempo para ir e voltar", observa Mueller.

O Kenya Hope também está servindo nas comunidades remotas. "Eles não usam carros; eles andam ou usam transporte público, por isso eles levam muito mais de para viajar do ponto A ao ponto B", acrescenta ela.

Juntamente com os parceiros da igreja local, o Kenya Hope está fornecendo comida e ajuda espiritual às famílias mais necessitadas.

"Doadores generosos nos permitiram realmente ministrar a centenas de famílias e enviar a eles alimentos necessários", diz Mueller. No mês passado, o Kenya Hope entregou ajuda alimentar a 423 famílias. Em um e-mail correspondente, Mueller diz: " Continuaremos a fornecer comida enquanto houver necessidade e o Senhor fornecer ".

Considere doar para o Kenya Hope. Mais importante ainda, ore. Use os motivos de oração listados abaixo deste artigo para orientar sua intercessão.

"Ore para que o país possa abrir em breve", pede Mueller. "Economicamente, está realmente ferindo as pessoas."

MOTIVOS DE ORAÇÃO
  • Ore por encorajamento para o pastores no Quênia. Ore por criatividade para pastorear suas congregações sabiamente em meio a restrições da pandemia.
  • Peça ao Senhor para fortalecer e sustentar comunidades vulneráveis ​​na zona rural do Quênia.
  • Ore por financiamento para manter este programa de ajuda alimentar.

As imagens são cortesia do Kenia Hope
Via Mission Network News

Postar comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem